CAPACITAÇÃO TÉCNICA EM MASSOTERAPIA

LEIA ATÉ O FINAL

VERSÃO EM PDF EDITAL PARA   CAPACITAÇÃO TÉCNICA 

Caracterização do curso

A Habilitação Profissional de Técnico em Massoterapia, área de Saúde, Segurança e Meio Ambiente é um curso de educação profissional de nível médio. Atende ao disposto na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei Federal nº9. 394/96, de 20/12/96, no Parecer CNE-CEB nº16/99, de 05/10/99, na Resolução CNE-CEB nº04/99, de 08/12/99 e na Resolução CEE nº. 054/05, de 20/09/2005.
JUSTIFICATIVA
O Brasil possui características próprias. Um país de dimensões continentais apresenta uma população com quadro de longevidade. Isso proporciona naturalmente uma mudança de hábitos, buscando alternativas saudáveis, como por exemplo, práticas em terapias naturais que usam massagens relaxantes, cromoterapia, aroma terapia e outros. O crescente interesse e procura pelos tratamentos massoterápicos por parte da população do País, chamou a atenção da Escola FISIO VITAE, com sede em Florianópolis/SC, excelência em cursos MASSOTERAPIA.  A Escola FISIO VITAE vem desde Junho de 2004 formando profissionais e os qualificado no âmbito da Massoterapia e terapias manuais/naturais complementares com mais de 2.000 alunos formados entre os quais biólogos, fisioterapeutas, educadores físicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, naturológos, médicos e terapeutas naturais. A Escola FISIO VITAE que já promove cursos livres neste segmento dentro das normas da Portaria 008/02 da SEED/SC (Secretaria Estadual de Educação e Desporto). Além do Curso Técnico em Massoterapia (Parecer nº 416 de 25/11/2008 do Conselho Estadual de Educação de Santa Catarina, publicado no DOSC nº 18.511 em 16/12/2008). A Fisio Vitae é a primeira Escola Técnica de Massoterapia no Brasil a oferecer Especializações Técnicas na área da Massoterapia, resultado de uma constante busca pela capacitação profissional.
As Especializações Técnicas em Massagem Terapêutica (Aprovado pelo Parecer CEE/SC nº 016 de 19/02/2013) e a Especialização Técnica em Drenagem Linfática Corporal e Facial (Aprovado pelo Parecer CEE/SC nº 017 de 19/02/2013.) compõe o itinerário formativo da Habilitação Técnica de nível Médio em Técnico de Massoterapia e Técnico em Estética, eixo Tecnológico ambiente, saúde e segurança do Catálogo Nacional de Cursos Técnicos de nível Médio, instituído pela resolução CNE/CEB nº 03/08 fundamentada pelo Parecer CNE/CEB  11/08; atende ao disposto na Lei de  Diretrizes e Bases da educação nacional (LDB) – Lei Federal nº 9.394/96 no Decreto Federal nº 5154/04, na Resolução CNE/CEB  nº 04/99 e Parecer CNE/CEB  nº16/99 do Conselho Nacional de Educação.
O modelo proposto para este curso está embasado nas recomendações da Organização Mundial de Saúde, que vêm estimulando os governos para a utilização dos recursos naturais e terapêuticos em programas de Atenção Primária da Saúde. A Organização Mundial de Saúde (O.M.S.), após a conferência de 1.962, realizada em Alma-Ata, URSS, declarou a importância dos “cuidados primários de saúde” no projeto “Saúde Para Todos No Ano 2.000”.
Considera que a saúde é um direito humano fundamental e que os governos têm a obrigação de proporcioná-la a seus povos. Considera que a Medicina Convencional não é acessível para grande parcela da população. Os cuidados primários de saúde seriam compostos de práticas não convencionais e métodos terapêuticos populares aceitos pelas comunidades, implantados a um custo que possa ser mantido em cada estágio do seu desenvolvimento.
Os governos devem adotar medidas sanitárias e sociais adequadas, contando com a participação de médicos, enfermeiros, parteiras, auxiliares e praticantes das medicinas populares, para trabalhar como equipes multi-profissionais atendendo as necessidades de saúde das comunidades. A credibilidade da OMS e sua imparcialidade têm assegurado a crescente evolução da pratica de terapias naturais e não convencionais no planeta, como a massoterapia e terapias naturais. A OMS sempre colaborou com os países interessados no esforço de introduzir elementos das terapias naturais e tradicionais de utilidade comprovada nos Sistemas de Saúde, especialmente no atendimento primário, operando projetos de baixo custo para prevenir e tratar males comuns adquiridos pelas populações carentes. A OMS, por sua vez, sempre apoiou programas de formação ou capacitação de profissionais da saúde em estudos de técnicas naturais e práticas tradicionais cuja inocuidade e eficácia se tenham comprovado. A OMS espera que todos os países terminem reconhecendo todas as possibilidades que oferecem as Técnicas Terapêuticas Naturais e Tradicionais. Devemos considerar também as resoluções da IX e X Conferência Nacional de Saúde que recomendam: 1. Incentivar e proteger o saber popular e incluir as práticas alternativas de saúde na rede pública; 2. Os modelos assistenciais devem desenvolver práticas diferenciadas segundo a realidade local, com garantia de acesso universal, não configurando um sistema simplificado. Devem-se incorporar as Práticas Alternativas dos serviços de saúde, as tecnologias populares e tradicionais e as ações de Promoção da Saúde; 3. A mudança do modelo assistencial exige a deshospitalização da assistência médica e a desmedicalização.Estamos nos baseando também na insuficiência de profissionais de saúde para atender à extensão territorial do Brasil, e, na ausência de profissionais que possam utilizar técnicas terapêuticas naturais que barateiem o custo dos atendimentos, como também na inexistência de instituições de ensino universitário que formem e capacitem profissionais Massoterapeutas de nível superior.
A Massoterapia é uma profissão regulamentada segundo as Leis Federais: LEI Nº. 8.345 de 10/12/1945, LEI Nº. 3.960 de 20/09/1961, LEI Nº. 3.868 de 05/10/1961, LEI FEDERAL Nº. 9394/1996, mas com uma modalidade de atuação que pode ser exercida por diversos profissionais como: Terapeutas, Médicos, Enfermeiros, Psicólogos, Fisioterapeutas, Dentistas, Farmacêutico, Fonoaudiólogos, Terapeutas Ocupacionais, Professores de Educação Física, entre outros profissionais da área da saúde, onde receberão o titulo de especialistas em Massoterapia. Existem ainda as portarias e projetos de lei: Decreto-lei nº 4.113/42, pelo Decreto Federal nº 77.052/76, Portaria nº. 95 de 04/11/1952 Projeto de Lei nº. 28/07/1997 Projeto de Lei nº. 263 de 11/03/1999, Portaria nº. 397 de 09/10/2002 – CBO 2002 – cód.nº. 5161-35 5161-15 e 3221-15 do MINISTERIO DO TRABALHO. Onde temos a classificação da MASSOTERAPIA como ocupação profissional com registro em CTPS.
PROPOSTA DE CURSO DE FORMAÇÂO EM TÉCNICO DE MASSOTERAPIA (Capacitação técnica e / ou aproveitamentos de estudos)
CRITÉRIOS DE APROVEITAMENTO DE CONHECIMENTOS E EXPERIÊNCIAS ANTERIORES
As competências anteriores adquiridas pelos alunos, desde que relacionadas com o perfil profissional de conclusão do Técnico em Massoterapia – Área de Saúde e do módulo de qualificação profissional que integra seu itinerário de formação poderá ser objeto de avaliação para aproveitamento de estudos, nos termos regimentais e da legislação vigente.
Conforme legislação em vigor, os conhecimentos e experiências que poderão ser aproveitados no curso são aqueles adquiridos:
  • Em qualificações profissionais e etapas ou módulos de nível técnicos concluídos em outros cursos.
  • Em cursos de educação profissional de nível básico, mediante avaliação do aluno.
  • Nos processos formais de certificação profissionais, reconhecidos e mediante a legislação vigente, e se o local do referido curso consta em algum órgão de fiscalização da profissão.
  • A dispensa, em qualquer condição, deverá ser requerida antes do início do desenvolvimento dos módulos ou do curso e em tempo hábil para ser deferida pela Direção da Unidade e após a devida análise por parte da equipe técnico-pedagógica, à qual caberá a avaliação das competências e habilidades gerais e específicas requeridas pelos alunos e a indicação de eventuais complementações.
  • As competências adquiridas em cursos de educação profissional de nível básico ou por outros meios informais também poderão ser aproveitadas, desde que validadas mediante exame de proficiência, que avalie a apropriação das competências específicas para o perfil profissional em questão.
  • As competências adquiridas por outros meios informais também poderão ser aproveitadas, desde que validadas mediante avaliação individual que identifique a apropriação das competências específicas, segundo o perfil profissional em questão.
  OBJETIVOS DO CURSO
  • Capacitar profissionais para atuar nas áreas de massoterapia e estética corporal e facial, utilizando procedimentos manuais e/ou eletrocosméticas para o relaxamento e reabilitação terapêutico ou estético do tecido epitelial e conjuntivo do corpo humano.
  • Preparar para o mundo trabalho contribuindo para geração de emprego e renda no setor de Massoterapia.
  • Disponibilizar para a sociedade um profissional apto ao exercício de suas funções e consciente de suas responsabilidades.
  • Desenvolver por meio da habilitação e da qualificação profissional aptidões para a vida produtiva e competências duráveis que favoreçam a laborabilidade.
Perfil profissional de conclusão do Técnico em Massoterapia
O perfil profissional de conclusão do Curso Técnico em Massoterapia, da FISIO VITAE, está descrito de acordo com o previsto no CBO (Código Brasileiro de Ocupações do Ministério do Trabalho) e com as demandas das sociedades contemporâneas, articuladas com as tendências econômicas, de mercado e de regulamentação ocupacional.
O Massoterapeuta como profissional da Saúde ao final do curso terá competências de:
  • Utilizar, indicar e ensinar o uso dos recursos naturais de prevenção, tratamento e manutenção integrada da Saúde;
  • Aplicar princípios, métodos e técnicas de terapias naturais na Massoterapia com a finalidade de manter, promover ou restabelecer a Saúde do indivíduo;
  • Atuar nos sistemas de saúde público e privado desenvolvendo programas preventivos e curativos nos campos de Massoterapia, fitoterapia, naturopatia e terapias energéticas.
  • Realizar, promover e divulgar estudos e pesquisas científicas na área da Massoterapia e das Terapias Naturais;
  • Promover o desenvolvimento de atitude ético e críticos compatíveis e desejáveis a natureza do trabalho profissional na área de Massoterapia
Perfil profissional de conclusão da Qualificação do Técnico em Massoterapia
As competências da qualificação técnica serão desenvolvidas a  partir dos  fundamentos   da área profissional de Saúde, Segurança e Meio Ambiente:
  • Identificar os determinantes e condicionantes do processo saúde-doença.
  • Identificar a estrutura e organização do sistema de saúde vigente.
  • Identificar funções e responsabilidades dos membros da equipe de trabalho.
  • Planejar e organizar o trabalho na perspectiva do atendimento integral e de qualidade.
  • Realizar trabalho em equipe, correlacionando conhecimentos de várias disciplinas ou ciências, tendo em vista o caráter interdisciplinar da área.
  • Aplicar normas de biossegurança.
  • Aplicar princípios e normas de higiene e saúde pessoal e ambiental.
  • Interpretar e aplicar legislação referente aos direitos do usuário.
  • Identificar e aplicar princípios e normas de conservação de recursos não renováveis e de preservação do meio ambiente.
  • Aplicar princípios ergonômicos na realização do trabalho.
  • Avaliar riscos de iatrogênias, ao executar procedimentos técnicos.
  • Interpretar e aplicar normas do exercício profissional e princípios éticos que regem a conduta do profissional de saúde.
  • Identificar e avaliar rotinas, protocolos de trabalho, instalações e equipamentos.
  • Operar equipamentos próprios do campo de atuação, zelando pela sua manutenção.
  • Registrar ocorrências e serviços prestados de acordo com exigências do campo de atuação.
  • Prestar informações ao cliente, ao paciente, ao sistema de saúde e a outros profissionais sobre os serviços que tenham sido prestados.
  • Orientar clientes ou pacientes a assumirem, com autonomia, a própria saúde.
  • Coletar e organizar dados relativos ao campo de atuação.
  • Utilizar recursos e ferramentas de informática.
  • Realizar primeiros socorros em situações de emergência
Competências específicas da qualificação técnica:
  • Atender homens e mulheres sem distinção por orientação sexual, confissão religiosa, ideologia, etnia, nacionalidade, condição econômica ou deficiência;
  • Avaliar o perfil do cliente, visando planejar e organizar o trabalho de forma integral e de qualidade;
  • Expressar a máxima higiene, utilizando materiais descartáveis ou devidamente esterilizados quando possível;
  • Avaliar o estado geral de saúde física e emocional do cliente a fim de elaborar o programa de intervenção;
  • Aplicar, com segurança e responsabilidade, produtos e técnicas de procedimentos massoterápicos;
  • Administrar os cuidados e tratamentos massoterápicos prescritos por profissionais médicos e terapeutas de nível superior, devidamente habilitados, que interagem na área;
  • Encaminhar o cliente para o profissional médico em caso de constatação de patologias em geral;
  • Avaliar, selecionar, indicar e utilizar produtos e equipamentos de massoterapia disponíveis no mercado;
  • Atualizar-se permanentemente.
ORGANIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO
O Curso Técnico em Massoterapia é organizado em três módulos.
Módulo I: Fundamentos da Saúde
Módulo IIProfilaxia e Manutenção da Saúde,
Módulo III:  Recursos Terapêuticos
O aluno ao concluir todos os módulos, receberá o Diploma de Técnico em  Massoterapia.
PÚBLICO ALVO:
  • Esteticistas ou Massoterapeutas com comprovação,
REQUISITOS DE ACESSO
Para realizar a matrícula, o candidato deverá possuir ou apresentar junto à secretaria da Fisio Vitae ou ENVIAR VIA EMAIL a seguinte documentação:
  • Cópia do Certificado/ Diploma de conclusão do Ensino Médio. Caso o aluno esteja cursando, deverá apresentar atestado de frequência do Ensino Médio;
  • Idade Mínima de dezoito (18) anos;
  • Cópia da Carteira de identidade, se menor Certidão de nascimento;
  • Cópia do comprovante de residência;
  • Cópia de Curso de Massoterapia e cursos realizados na área para avaliação.
  • ATENÇÃO SOMENTE TERÁ VALIDADE CERTIFICADOS EXPEDIDOS POR ESCOLAS DE MASSOTERAPIA / ESTÉTICA RECONHECIDA. AS COPIAS DOS CERTIFICADOS DEVERAO FEITAS FRENTE E VERSO.

CERTIFICADOS E DIPLOMAS EXPEDIDOS AOS CONCLUINTES DO CURSO

Os certificados e diplomas de conclusão do curso serão expedidos conforme a qualificação ou habilitação obtida após a conclusão de cada módulo. Os referidos documentos serão assinados pelo Diretor do curso e Secretário Escolar. De acordo com a legislação vigente, ao aluno que concluir todos os módulos (Módulos I, II e III) correspondentes à Habilitação Profissional de Nível Técnico e comprovar a conclusão do Ensino Médio, será conferido Diploma de Técnico em Massoterapia.
DURAÇÃO DO CURSO:
Todos os cursos deverão ter duração mínima de 06 meses e máxima de 12 meses, contados a partir da confirmação do pagamento da primeira mensalidade, considerando também, a data de colação de grau.
A duração exata do curso depende exclusivamente do ritmo de cada aluno, que deverá cultivar uma disciplina adequada ao bom andamento dos estudos, aliado a um bom planejamento, para concluir o curso no menor prazo permitido.
ATENÇÃO PARA A REALIZAÇÃO DO CURSO EM 06 MESES, O ALUNO DEVE TER NO ÚLTIMO MÊS A QUITAÇÃO COMPLETA DO CURSO. E TODOS OS DOCUMENTOS ENTREGUES.
MATERIAL DIDÁTICO
A partir da matrícula efetivada, o acadêmico terá disponível em seu portal o material didático necessário para iniciar seus estudos, devendo manter em dia os pagamentos das mensalidades contratadas e os demais requisitos obrigatórios para conclusão do curso. Como material de apoio às aulas, a instituição disponibiliza apostilas on-line (gratuitas), disponíveis em PDF no Portal do Aluno.
O material também inclui vídeo aulas de todas as técnicas propostas.
AVALIAÇÕES
Durante o curso o aluno deverá fazer 3 avaliações. O numero de questões será no mínimo  10 e no máximo  30:
  • AVD – Avaliação Digital – Uma para cada módulo (10 pts cada)
  • AVP – Avaliação Presencial/ vídeo conferencia – Cada módulo terá 5 questões (10 pts cada)
  • AVS – Avaliação de Seminário – Duas para todo o curso (10 pts cada)
A nota final de cada módulo (ou disciplina) será calculada a partir da somatória de todas as notas divididas por 3.
Exemplo: Durante o curso de um módulo, o aluno João Pedro tirou as seguintes notas: AVD = 8, AVP = 10 e AVS = 9
Desta forma, (8+10+9) = 27: 3 = 9 (Nota Final do módulo)
As avaliações (AVD) são 10 a 30 questões de cada disciplina, que poderá ser realizada online no portal do aluno no link AVALIAÇÃO ou poderá ser impressa e encaminhada por correio o caderno de provas junto com o gabarito e serão liberadas mensalmente de acordo com o pagamento de cada mensalidade quitada.
As avaliações (AVP) o aluno poderá realizar após ter todo o financeiro do curso quitado,
As avaliações (AVS) são questões abertas sobre os temas abordados nos Seminários Educacionais e ficará a critério do professor responsável pelo encontro presencial/vídeo conferencia.
Caso o aluno não consiga atingir a nota mínima de 07 pontos na disciplina, deverá entrar em contato com nossa equipe pedagógica e solicitar as avaliações de recuperação conforme disciplina desejada
VALORES:
  • MATRICULA: R$ 100,00

  • VALOR DA CAPACITAÇÃO: R$ 12 X DE 375,00 TOTALIZANDO R$ 4.500,00

  • VALOR PROMOCIONAL ATÉ DIA 30 DE NOVEMBRO 2017: 12 X R$ 195,87

    (PAGAMENTO VALIDO ATÉ O DIA 5 DE CADA MÊS VIA BOLETO)

  • OU A VISTA R$ 2.250,00 ( BOLETO ÚNICO OU CARTÃO DE CREDITO)

 

Faça um comentário

Não publicaremos seu e-mail

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>